Play

A primeira coisa que percebi ao abrir os olhos era o barulho das gotículas de chuva batendo no telhado, da varanda eu conseguia enxergar esse dia nublado e chuvoso, enquanto na cama, você ainda me abraçava.

Eu me virei para te observar, eu gostava de admirar seus olhos, sentir seu cheiro e estar perto de ti, uma sensação que transcendia a compreensão.

Como eu queria que o tempo parasse agora, enquanto acariciava seus cabelos e via seu rosto sereno despertar, eu nunca saberei explicar como esses momentos são importantes para mim, eles ficam marcados em minha mente. E embora eu não fale nada, eu gosto de não precisar dizer nada, só sentir, a fala é falha, cheia de erros de comunicação, não consegue expressar o que aqui dentro, eu vivo com tanta intensidade.

Eu me entreguei à esses momentos sem arrependimentos, eu tive certeza de que era o certo a se fazer, de que eles eram gloriosos o suficiente para serem vividos em sua totalidade.

Eu escolhi viver, sabendo do fim. Desde meu primeiro respiro eu escuto essas gotículas no telhado, elas ressoam ao longo da minha vida, eu sabia o que isso significava, há algum tempo sentia presença desse dia se aproximando, ele se tornava mais vívido a cada despertar, mais intenso e perto de mim.

Esse era nosso último dia juntos, você partiria sem volta e eu sentiria um vazio enorme deixado por você, nada poderia preencher a surrealidade de sua presença. Eu sabia disso, desde o dia em que eu disse “sim”, então eu aproveitei o tempo que restasse, não sabendo ao certo quanto duraria.

Foi tudo tão único, que eu não poderia deixar de viver, eu acenaria inúmeras despedidas por uma chance de ter vivido ao seu lado, nenhum fim ofuscaria a emoção dos meios, nenhuma dor me privaria da oportunidade de sorrir para você e dizer que eu sempre estaria ao seu lado.

Eu aceitei começar, sabendo que terminaria, eu escolhi viver, sabendo que morreria, porque nenhum adeus é mais importante que a oportunidade de ter vivido todos esses momentos, essas emoções, e eu escolhi acolher todos esses fragmentos maravilhosos que me fizeram sentir vivo.

Agora essas gotículas vão embora, junto de você, mas sentirei elas respigarem em minha mente com cada respirar que você deu ao meu lado e ao te sentir partir, enquanto lágrimas escorrem de meu rosto, eu só consigo pensar que escolheria viver tudo de novo, cada segundo, somente para poder fazer parte da sua existência e dizer novamente o quanto eu te amei.

Message To Bears – You Are A Memory

I was calling
Eu estava chamando

For the last time
Pela ultima vez

We’d been here before
Nós já estivemos aqui antes

They found pictures in the snow
Eles acharam fotos na neve

I could tell your eyes
Eu poderia dizer que seus ohos

Looked beneath the blue
Olhavam abaixo do azul

I woke underneath the trees
Eu acordei debaixo das árvores

For the first time
Pela primeira vez